Polícia Ambiental de Barretos apreende centenas de aves e aplica multa de mais de 150 mil
27 de maio de 2019 781 Visualizações

Polícia Ambiental de Barretos apreende centenas de aves e aplica multa de mais de 150 mil

A Policia Ambiental de Barretos, em uma operação realizada no final de semana, compareceu a uma chácara no município de Jaborandi para averiguar uma denúncia anônima que relatava a existência de várias aves silvestres mantidas irregularmente em cativeiro, bem como o morador do local realizava a falsificação e a adulteração de anilhas.

No local os policiais foram recebidos pelo morador, um homem de 47 anos, que se apresentou como criador de aves registradas no IBAMA e alegou possuir cerca de 60 aves devidamente regularizadas.

Foi feita a vistoria ambiental, sendo observadas várias irregularidades, tais como quantidade bem superior a informada, aves sem anilhas, aves com anilhas falsas e adulteradas, bem como em situação de maus tratos em virtude da sujeira e acúmulo de fezes encontradas nas gaiolas.

Os policiais também observaram que o indiciado começou a apresentar nervosismo e acabou soltando três aves para impedir a fiscalização, sendo que no imóvel, também havia um cômodo, no quintal, com dezenas de aves que estavam sendo ocultadas da vistoria.

Considerando a atitude do morador e as inúmeras irregularidades, foi solicitada autorização para busca no interior de sua residência, onde foram localizadas várias aves escondidas nos quartos, bem como duas espingardas, sendo uma de pressão e outra calibre 28, com 7 munições já deflagradas, ambas em situação ilegal.

O indiciado foi preso em flagrante pelos crimes de posse irregular de arma de fogo, falsificação/adulteração de anilhas, manutenção de aves nativas em cativeiro sem autorização e maus-tratos, sendo conduzido até a delegacia de Barretos, onde o delegado ratificou a prisão e arbitrou fiança de R$ 1.000,00, que foi saldada.

Todas as 130 aves foram apreendidas e levadas para o quartel da Polícia Ambiental para serem submetidas a uma minuciosa vistoria de suas anilhas, suas condições físicas, suas origens, bem como serem avaliadas por médico veterinário e peritos do Instituto de Criminalística.

Somente no domingo é que foi encerrada a análise das aves e anilhas, sendo observadas as seguintes irregularidades: 14 aves sem anilhas, 71 aves com anilhas falsas/adulteradas e 37 aves em situação de maus-tratos, sendo gerada uma multa no valor de R$156.600,00.

O autuado deverá comparecer a Polícia Ambiental de Barretos para Audiência de Atendimento Ambiental, onde deverá apresentar suas explicações e discutir o pagamento da multa, sendo que, quanto ao processo criminal, se condenado, ele poderá ser apenado em até 10 anos de detenção.

Anterior BEBEDOURO: POLÍCIA MILITAR APREENDE QUASE MEIA TONELADA DE MACONHA EM MEIO AO CANAVIAL
Next BARRETOS: Força tática apreende quase dois quilos de drogas, dinheiro e vários objetos relacionados a traficância

Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/storage/4/97/12/agazetadebarretos/public_html/wp-content/themes/trendyblog-theme/includes/single/post-tags-categories.php on line 7

Você pode gostar também

Policial

Ajudante Geral é preso por furtar sabonetes em residência de idosa no bairro Santa Cecilia

No Plantão Policial estiveram os Militares, cabos Sichineli e Paulino, conduzindo o indiciado L.E.M.S., 34 anos, ajudante geral, morador no bairro Santa Cecília, e informando que eles realizavam patrulhamento pelas

Barretos

BARRETOS: Ladrões armados com faca praticam roubo no bairro Derby Clube

A senhora M.S.M., 63 anos, noticiou na delegacia que ela sozinha no estabelecimento comercial de sua filha, na Avenida 1 de Maio, bairro Derby Clube, quando foi surpreendida por dois

Barretos

BARRETOS: Após se envolver em acidente homem é preso por dirigir embriagado

O indiciado A.M.R., 42 anos, morador na Avenida 47, bairro Pimenta, foi preso pelos Militares, cabo Sinomar e soldado Ferraz, depois de ser surpreendido dirigindo embriagado. Segundo consta, os policiais

0 Comentário

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Você pode gostar também Comente sobre esta notícia.

Deixe uma resposta