Policiais civis prendem comerciante com munições em sua residência no bairro Marilia
13 de junho de 2017 1299 Visualizações

Policiais civis prendem comerciante com munições em sua residência no bairro Marilia

Os investigadores Viviane e Ricardo, da cidade de Frutal, Minas Gerais, apresentaram no Distrito Policial o indiciado J.E.R.S., 51 anos, comerciante, residente no bairro Marília, tendo os policiais informado que vieram a Barretos para cumprirem um Mandado de busca e apreensão em desfavor do J.E.R.S.F., filho do comerciante.

Em principio eles foram até a uma borracharia na Avenida Rio Dalva, porém o indiciado não se encontrava por lá, porem um funcionário da borracharia os acompanhou até a Rua 42, local onde o indiciado reside.

Os policiais foram recepcionados pela mãe do indiciado, a qual afirmou que ele reside em uma edícula no mesmo terreno e em vistoria pelo local os investigadores encontraram, na gaveta do criado mudo, ao lado de uma cama, sete munições intactas, calibre 12 e quatro munições intactas, calibre 38, as quais o comerciante J.E.R.S., afirmou ser de sua propriedade.

No quarto também foram localizados valores em dinheiro e em cheques, os quais também foram apreendidos.

O filho do comerciante não se encontrava pelo local e diante dos fatos foi dada voz de prisão ao mesmo, que teve a prisão ratificada pelo delegado, que arbitrou fiança no valor de R$3.000.00, a qual foi apresentada, sendo ele colocado em liberdade para responder ao processo.

FONTE: MAZINHO DIAS

Anterior Após fugirem de abordagem policial, maior e menor são presos por furto de moto no bairro São Francisco
Next Mulher é furtada por dois indivíduos na Rua 12 com Avenida 21

Você pode gostar também

Policial

REGIÃO: Polícia Civil estoura laboratório de ‘supermaconha’

Agente de viagem de 39 anos foi preso acusado de manter pés de maconha cultivados por meio de sistema hidropônico em imóvel no Jardim Botânico, em Ribeirão Preto A Polícia

Barretos

BARRETOS: MOTORISTA EMBRIAGADO CAUSA ACIDENTE E VIGILANTE MORRE NO PARQUE DO PEÃO

Um acidente de trânsito próximo à hípica no Parque do Peão resultou na morte do vigilante, Crecino Maria Flavio Silva, um homem de 57 anos que residia em frente a

0 Comentário

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Você pode gostar também Comente sobre esta notícia.

Deixe uma resposta