Morre agente que matou mulher e filha
14 de agosto de 2017 773 Visualizações

Morre agente que matou mulher e filha

O agente penitenciário que matou a mulher e a filha na tarde do domingo, 13, no bairro São Vicente, em Guaraci, morreu na noite de ontem após ter atirado na própria cabeça.

Ronaldo da Silva Correa tinha 49 anos e foi encaminhado em estado grave para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) da Santa Casa de Barretos depois de matar a mulher e a filha a tiros na casa da família e tentar tirar a vida.

Os corpos de Rosicléia de Olíveira, 45 anos, e a filha Ana Vitória, 19 anos, estão sendo velados na manhã desta segunda-feira, 14, no Velório Municipal de Guaraci.

Ainda não se sabe o que motivou o homem a cometer esse crime. No local, peritos encontraram a arma e 11 cápsulas de calibre 380 que foram disparadas.

Ronaldo atuava como agente penitenciário no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Franca.

 

Anterior Guaraci: Homem é encontrado morto dentro de casa Compartilhe:
Next Filho mata a mãe a facadas

Você pode gostar também

Barretos

Golpistas fazem troca de envelopes em agência bancária de Barretos e gera prejuízo de 1.000,00

As pessoas idosas tem sido os principais alvos de estelionatários que nos últimos dias tem aplicado cinco tipos de golpes nas vítimas que registraram ocorrência policial. Em uma das formas

Policial

BARRETOS: Após ser espancado por populares, homem é preso por furtar celular no Parque do Peão

Os Policiais Militares, soldados Garcia e Andrew, apresentaram preso no Plantão Policial o indiciado I.C.M.C., 39 anos, morador em Salvador, Bahia. Segundo consta, os Militares realizavam patrulhamento pelo interior do

Policial

BARRETOS: Ameaça e disparos de arma de fogo em sítio na Estrada Velha para Guaíra

Na delegacia esteve o autônomo A.L.C., 45 anos, afirmando que é arrendatário de um sítio situado a Estrada Velha, nas proximidades do bairro Zequinha Amêndola. Ocorre que um vizinho vem

0 Comentário

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Você pode gostar também Comente sobre esta notícia.

Deixe uma resposta