Jardineiro é vítima de atropelamento
2 de agosto de 2017 408 Visualizações

Jardineiro é vítima de atropelamento

Os Policiais Militares, cabos Daniel e Madureira, da cidade de Jaborandi, apresentaram no Plantão Policial de Barretos o operador de maquinhas E.L.F.C., 21 anos, morador na Rua Luís Gambarato, bairro São Benedito, em Jaborandi e eles informaram que haviam sido acionados pelo COPOM a comparecerem até a Rua Inácio Máximo Diniz Junqueira, para atenderem a uma ocorrência sobre atropelamento.

Quando chegaram ao local dos fatos os policiais não encontraram ninguém ou até mesmo vestígios do atropelamento, ocasião em que eles se deslocaram até o Pronto Socorro da cidade de Jaborandi, onde localizaram o jardineiro L.M.L., 57 anos, tendo o médico que o atendeu afirmado que a vítima apresentava ferimentos na cabeça e no quadril e ele seria encaminhado para a Santa Casa de Barretos para exames complementares.

Diante disso os policiais retornaram a base e depois de meia hora foram informados que o E.L.F.C., o qual era o condutor de uma motocicleta Honda 150, ano 2011, vermelha, havia dado entrada no Pronto Socorro para receber atendimento médico.

Os policiais voltaram ao Pronto Socorro e obtiveram junto a ele a informação de ele trafegava pela RuaInácio Máximo Diniz Junqueira, sentido centro/bairro, quando no cruzamento com a Avenida General Osório, a vítima, que caminhava pelo meio fio em sentido contrário, saiu de trás de um carro estacionado, não sendo possível evitar o atropelamento.

Ainda de acordo com o condutor da moto, o local contava com pouca iluminação e a vítima ingressou na rua de forma rápida, não sendo possível evitar o acidente.

Anterior Assalto a banco mais uma vez em Guaíra
Next Mulher tem carteira furtada em sua residência no bairro Hussen Genha

Você pode gostar também

Policial

BARRETOS: Mulher tem bolsa furtada dentro da igreja quando se dirigiu até o altar

Uma jovem de 22 anos, que se identificou como J.B.S., moradora no bairro Henriqueta, esteve no Distrito Policial afirmando que ela foi até uma igreja evangélica, no centro da cidade,

Policial

REGIÃO: Polícia investiga agressão sofrida por aluna em escola

Segundo a polícia, a adolescente, de 12 anos, começou a sofrer “bullying” após avisar para diretora que alunos estavam fumando narguilé em sala de aula. Polícia Civil de Araçatuba (SP)

Policial

REGIÃO: Estudante denuncia colega por piadas racistas

Ofensas aconteceram dentro da sala de aula da escola estadual Professor Bady Bassitt. Uma estudante da escola estadual Professor Bady Bassitt denunciou um colega por ter feito piadas racistas dentro

0 Comentário

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Você pode gostar também Comente sobre esta notícia.

Deixe uma resposta