Homem diz ter sido agredido em seu local de trabalho
14 de julho de 2017 837 Visualizações

Homem diz ter sido agredido em seu local de trabalho

Um homem de 50 anos, que se identificou como J.P.P., morador no bairro Alvorada, esteve no Distrito Policial informando que trabalha em uma empresa no Distrito Industrial II, e ele estava em seu local de trabalho quando veio a discutir com o supervisor da empresa, a quem ele identificou como “Humberto”.

Ainda de acordo com a vítima, em meio a discussão o supervisor o jogou lhe agrediu, o jogando ao chão e depois lhe desferindo chutes, tendo a agressão cessado após a intervenção de outros funcionários.

Questionado sobre o porque da agressão a vítima disse que estava ajudando um novo funcionário a espalhar o concreto pelo chão e então o supervisor chamou a atenção deste funcionário porque não queria que o serviço fosse realizado daquele jeito.

No entanto a vítima e o novo funcionário continuaram a realizar os trabalhos, tendo o supervisor chamado a sua atenção por ter apoiado o funcionário novo.

Em razão disso a vítima cobrou do supervisor os salários atrasados e então o autor passou a lhe agredir.

Na delegacia a vítima foi orientada sobre prazo e trâmite para representar contra o autor.

Anterior Homem cai no golpe do celular premiado e perde quase 6 mil reais
Next Após roubo, dois homens são mortos em confronto com a Policia Militar de Bebedouro

Você pode gostar também

Policial

REGIÃO: Homem é baleado em assalto a loja de pesca

O tiro pegou de raspão na cabeça da vítima e o criminoso levou o malote de dinheiro da empresa Um homem foi baleado na tarde desta quinta-feira, durante um assalto

Policial

REGIÃO: DIG prende trio por falsificação de CNH

Um dos suspeitos já havia sido preso pelo mesmo crime cometido em 2014 Três pessoas foram presas em uma ação policial por falsificação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em

Policial

REGIÃO: Borracheiro é executado com 5 tiros dentro do carro

Segundo a PM, vítima foi baleada por homem na garupa de uma moto, que não foi identificado. Tenente não confirma relação entre o crime e homicídio no Parque Ribeirão na