Furto de balizas de exames de Habilitação
18 de julho de 2017 433 Visualizações

Furto de balizas de exames de Habilitação

O motorista A.M.S., 39 anos, esteve na delegacia informando ser proprietário de uma Auto Escola em Barretos e segundo a vítima ele tem por hábito deixar seis balizas, que são utilizadas nas aulas e exames, acorrentadas nas arvores existentes na Avenida 7 entre as Ruas 4 e 12, e

na data do registro da ocorrência ele passou pelo local e deu pela falta de três balizas.

A vítima foi verificar melhor e constatou que as balizas haviam sido arrancadas das arvores sem haver o corte ou arrombamento do cadeado e em seguida as balizas foram jogadas no córrego, porém, apenas duas foram localizadas, presumindo-se que a terceira tenha sido furtada.

A vítima então pegou as duas balizas que estavam no córrego e as acorrentou na mesma árvore, observando que elas tiveram os cabos quebrados.

Por fim foi relatado pela vítima que ele encontrou próximo a arvore onde as balizas estavam acorrentadas, uma carteira de couro, preta, jogada ao chão, em estado de abandono, tendo em seu interior um cartão bancário, outro tipo de cartão e a foto de um casal.

O caso foi encaminhado ao setor de investigação.

Anterior Vítima surpreende indivíduo furtando peças e ferramentas no quintal de sua residência
Next Captura de procurado

Você pode gostar também

Policial

BARRETOS: Adolescente de 17 anos é apreendido pela PM por tráfico de drogas

Um adolescente de 17 anos foi apreendido pela Polícia Militar por tráfico  de entorpecente no Conjunto José Faleiros, em Barretos, às 18h15 de segunda-feira. A equipe da Força Tática através

Policial

REGIÃO: Homem morre baleado em bar

Carro preto passou em frente a estabelecimento no Parque Ribeirão e atirou várias vezes; outra pessoa ficou ferida e foi socorrida por populares Um homem morreu baleado na noite desta

Primeira Página

Vigilante diz ter sido ameaçado com uma arma quando foi acertar sua rescisão de trabalho

O vigilante T.J.S.L., 33 anos, informou que trabalhou em uma empresa de monitoramento na função de vigilante/controlador de acesso, com registro em carteira pelo período de apenas quatro meses, cujo