BARRETOS: Professor nega ter protocolado  requerimento com DENÚNCIA na Câmara Municipal e  afirma que assinatura em documento é FALSA
9 de fevereiro de 2019 1116 Visualizações

BARRETOS: Professor nega ter protocolado requerimento com DENÚNCIA na Câmara Municipal e afirma que assinatura em documento é FALSA

Na delegacia esteve o professor M.D.M., 44 anos, morador no centro da cidade, noticiando que ele tomou conhecimento de que no dia 06 de fevereiro, foi protocolado um requerimento na Câmara Municipal de Barretos, onde foi usado o seu nome, Título de eleitor e CPF, fazendo denúncia sobre movimentação de valores em que o vereador Luiz Humberto de Campos Sarti-Kapetinha-, declarava em seu Imposto de Renda.

Ocorre que, segundo o professor, ele não protocolou e desconhece este requerimento que leva o seu nome, informando ainda que sua assinatura foi falsificada.

Ao final o professor confirmou ter dado entrada em vários requerimentos na Câmara Municipal, porém, nega que este tenha sido de sua autoria.

O caso foi encaminhado ao setor competente.

Anterior BARRETOS: Dano e perturbação de sossego no bairro Zequinha Amêndola
Next BARRETOS: Populares prestam socorro a idoso e ladrão de carteira é preso no centro

Você pode gostar também

Policial

Sem habilitação mulher bate carro em moto e fere duas pessoas

A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial pelos Militares, cabos Cláudio e Madeira, os quais noticiaram que foram acionados a comparecerem até a Rua Opala, cruzamento com a Avenida Minas

Policial

REGIÃO: Mulher agride funcionárias de canil após se negarem a receber cães

Moradora disse que ficou irritada ao ser gravada e está sendo investigada por lesão corporal. Veterinária e assistente foram levadas à UPA com lesões na cabeça, pernas e nariz. Uma

Barretos

BARRETOS: Policia prende homens por roubo de veículo e uso de simulacro

Após denuncia via Copom pelo radar via Barretos/Guaíra de que um Fiat Uno, produto de furto e também envolvido em um roubo a uma sorveteria em Colina, a policia militar

0 Comentário

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Você pode gostar também Comente sobre esta notícia.

Deixe uma resposta