6 de junho de 2017 0 357 Visualizações

Após ameaçar mecânico homem é preso por porte ilegal de arma de fogo

Um homem de 34 anos, morador no bairro Baroni, foi preso pela Policia Militar depois de ser flagrado com uma arma de fogo dentro de seu veículo logo após uma discussão com um mecânico no bairro Los Angeles.

Informaram os Sargentos Uewerton e Hespanhol, que eles foram acionados pelo COPOM que minutos antes havia chegado a noticia de que um homem armado estaria ameaçando um mecânico em uma oficina no bairro Los Angeles e que Policiais Militares já haviam comparecido ao local, porém na ocasião nada de ilícito encontraram com o homem e desta vez ele estaria em um veículo Peugeot, escuro, todo adesivado, circulando pelas proximidades da oficina.

Diante desta informação os policiais saíram em diligências e na Avenida Engenheiro José Domingos Ducati, bairro Exposição, eles visualizaram um veículo com as características apontadas na denúncia.

Ao abordarem o veículo eles realizaram revista pessoal no motorista E.A.A.D., 34 anos e em seu passageiro, C.C.A., 29 anos, e nada de ilícito foi encontrado com eles.

Porém, em revista junto ao veículo, foi encontrado sob o banco do passageiro, um revolver calibre 38 preto, oxidado, com capacidade para cinco tiros, municiado com duas munições intactas e mais duas deflagradas.

Ao questionarem os dois sobre a arma o indiciado E.A.A.D., assumiu a propriedade da mesma, ocasião em que deram a ele voz de prisão em razão do indiciado não ter registro ou porte de arma.

Sobre a ameaça contra o mecânico os Militares mantiveram contato com o mesmo, que se identificou como A.D.L., 56 anos e informou que o indiciado esteve em sua oficina, no bairro Los Angeles, para saber se o seu veículo Fiat Premio, já havia sido consertado, tendo ele informado que não e que o carro estava na oficina desde o dia 26/05, sendo que o

indiciado ficou de levar as peças para que o conserto fosse feito, e isso não ocorreu, o que gerou o atraso na entrega do carro.

O indiciado teria ficado muito alterado, tendo eles discutido e ao final d a discussão o indiciado disse que o mecânico consertaria o carro de qualquer jeito, indo embora e retornando minutos depois dizendo: “Você via arrumar meu carro”, e enquanto o mecânico consertava o carro, o indiciado se aproximou dele, ergueu a camisa, mostrou o revólver que estava em sua cintura e disse: “Não se aproxima de mim que eu ti dou um tiro”.

O mecânico saiu de perto dele e ligou para a Polícia Militar, ocasião em que o indiciado percebeu a ligação e deixou o local, tendo os primeiros policiais lá comparecido e instantes depois voltado em companhia do indiciado, mas naquele momento ele havia se desfeito da arma e nada de ilícito havia sido encontrado com ele.

O mecânico então foi levado pela segunda equipe de policiais até delegacia a prisão dada a ele foi ratificada, sendo o mesmo recolhido em uma cela da cadeia de Barretos, sendo depois transferido para a cadeia da cidade de Colina, permanecendo à disposição da Justiça.

A arma e as munições, foram devidamente apreendidas.

Fonte: Mazinho Dias

Anterior Policia Militar detém menor que teria participado de tentativa de roubo em residência no centro da cidade
Next Briga entre irmão termina em morte na cidade de Colômbia

Você pode gostar também

Barretos

BARRETOS: Operação Militar prende maior e apreende menor traficando drogas em “matinha” na Avenida 11 com a Rua 2

No Plantão Policial estiveram os Militares, cabo Marcos Mariano e Andreia Ribeiro, os quais informam que estavam de serviço quando receberam denúncia, via 190, dando a informação de que haviam

Policial

BARRETOS: Comerciante tem cheque fraudado

O comerciante A.F., 41 anos, morador na Alameda Maria Leda de Carvalho, bairro Novo Jockey, esteve na delegacia e informou que se encontrava em sua residência, quando recebeu uma ligação

Policial

BARRETOS: Economista tem quase 40 mil reais descontados indevidamente em sua conta corrente

Na delegacia esteve o economista S.V.A., 59 anos, noticiando que ele foi para pagar algumas contas no banco, via internet, ocasião em que constatou que sua conta estava sem dinheiro,